Do Autor

“Eu sou apenas um rapaz latino-americano...”

Meu nome é Enderson, a ideia inicial era para que fosse Anderson, mas por uma feliz criatividade* da minha mãe =] ouve essa troca de “A” para “E”. Ela quis (por vaidade, ou não) que a inicial do meu nome fosse a mesma do dela, ou seja: “E”. Sendo assim, Anderson virou Enderson rs. Oficialmente Enderson, mas “End” já satisfaz para desenvolvermos uma amizade. Fernandes é o sobrenome do meu pai, que por sinal gosto demais. Assim, adotei “End Fernandes” o/ e trago um pouco de cada um deles comigo.

Nasci em 23 de fevereiro de 1990, a cesárea estava prevista para 12 de março. Sou de oito meses. Sou de peixes com ascendente em sagitário.

Sou sereno e talvez de poucas palavras, mas busco com poucas palavras trazer o bem para os que comigo se relacionam. Não sou de impor minha opinião, normalmente eu exponho os contrapontos e deixo que as pessoas tomem partido das suas decisões, pois acredito no autoconhecimento intuitivo de cada um.

Tenho que estar apaixonado, a paixão é o meu melhor combustível =D.

Gosto de admirar as coisas simples, gosto de admirar a natureza, gosto de admirar o ser humano. Gosto de ver o grafitti no muro, gosto de ver a banda no palco, gosto de ver B.boy girar. Gosto de ouvir a respiração dela perto de mim, gosto de ouvir declarações de amor, gosto de ouvir “burbulum” do MSN quando ela fala comigo =]. Gosto de sentir a paz ao meditar, gosto de sentir o incenso perfumando o ar, gosto de sentir a presença de Deus ao meu lado. Gosto de desenhar, gosto de escrever, gosto de trocar ideia...



Procuro ser versátil, a versatilidade traz para o ser humano entendimento holístico do mundo e esse é um objetivo para minha existência. Busco uma reflexão inusitada, um poema extravagante, uma rima fonética. E, espero que o Inconsciente flutuante traduza de forma transparente aquilo que sou. Afinal, podemos falar de fé sem sermos graduados, autoridades espirituais, apenas prepotentes. Podemos falar de fé por nós mesmos, a fé que seres comuns possuem.

Espero estar por aqui por bastante tempo...

Abraço a todos!

*feliz criatividade: não que eu seria infeliz por me chamar Anderson, mas gosto pra caramba do meu nome, só isso. =D
...