O Pitar do Preto

Alguém aqui frequenta/frequentou ou já foi num Centro Espiritual de Umbanda?

Eu imagino que a maioria vai dizer não (inclusive eu rs).

Agora, e se eu perguntasse assim:

Alguém aqui saberia me dizer o que acontece e/ou como é um Centro Espiritual de Umbanda?

Aí, talvez já seria diferente. Talvez, muitas pessoas conseguiriam me responder. Talvez, elas responderiam algo como:

-Ah! Tem um povo vestido de branco fazendo macumba, invocando o capeta, batucando, comendo, dançando e fumando... ^^

É aí que eu fico refletindo e penso:

Qual é a Igreja onde as pessoas não cantam, não utilizam instrumentos, não comem, não bebem, não dançam ou não se vestem com trajes específicos durante as suas cerimômias religiosas?
É engraçado como nós “conseguimos” descrever pejorativamente lugares ou até mesmo pessoas dos quais não conhecemos. Na verdade, ao meu ver esse é um dos piores defeitos que podemos ter como seres humanos. A tradução disso é preconceito! E algumas vezes acontece sem que possamos perceber. 

A Umbanda é uma das religiões mais marginalizadas que temos na nossa sociedade e por que isso acontece?

Isso acontece porque alguns indivíduos ao se sentirem insatisfeitos com as suas crenças procuram outros meios (sejam eles quais forem) para alcançarem seus objetivos pessoais e terem as suas vaidades saciadas.

Exemplo:

Um cristão/cristã que se sente infeliz no amor e resolve se consultar com um Pai de Santo para trazer de volta a pessoa amada.

Agora eu pergunto:

Que privilégios Umbanda têm para as pessoas só a procurarem quando querem algo que a outra crença delas não as deu?

A Umbanda é uma religião como qualquer outra, nem melhor e nem pior, portanto, se você está infeliz na sua fé por não conseguir certas coisas faça uma análise da sua conduta ao invés de querer conquistar as coisas na marra para satisfazer apenas a sua vaidade.

Não faça como alguns que não se informam sobre o verdadeiro significado da Umbanda e depois reclamam de oportunistas que “roubam” o seu dinheiro. E além de tudo saem difamando a fé de quem pratica a Umbanda de forma correta almejando um crescimento espiritual. Não reconhecem que o erro está neles e ninguém mais. E, Comprometem a imagem de uma religião que pode ser sim fonte de Luz para muitas pessoas.


http://youtu.be/PWjdn1mnyxQ 

Quando você quiser procurar uma religião (seja ela qual for) procure-a com apenas um objetivo: desenvolver a sua espiritualidade.

E se você desejar mesmo conhecer os ensinamentos da Umbanda saiba que existem muitas pessoas comprometidas com o bem que estão dispostas a esclarecer muitas dúvidas para qualquer um. Se for o caso leia e pesquise antes de procurar um Centro de confiança para não fazer um julgamento errôneo dos verdadeiros valores dessa religião ou até mesmo dos seus praticantes.

A diversidade religiosa vem apenas para enriquecer a nossa cultura e nos trazer outros pontos de vista de como as pessoas podem expressar de maneiras diferentes a sua fé e meio a ligação que elas possuem com o Transcedente. Mas, para isso o primeiro passo é o respeito para com a fé do próximo, caso isso não aconteça estaremos no sentido contrário daquilo que o Criador propõe para a nossa exitência terreste.

...