Empório Jaburu

Quem já fez uma visita mais minuciosa ao “inconsciente flutuante” com certeza já reparou que há um poema na lateral direita do site que leva o mesmo título do blog assinado por Gil Silva...

(Não viu? Então vai lá que vale apena! =D)

...

Esse poema foi concebido por um brother meu! o/ Um dos primeiros poetas que conheci e tive de fato uma convivência diária. Foi por acaso que nos conhecemos num curso técnico em gestão empresarial, afinal de contas não tínhamos o perfil da grade disciplinar kkk.

O Gil(van) é daqueles caras que considero  poeta de nascença. Um aventureiro cidadão andradinense que já morou em São Paulo, já viajou o Brasil numa companhia de teatro, cantou num coral de Campinas em alemão, posou nu para a obra de arte do fotógrafo Spencer Tunick que está em Nova York e tem muitas outras histórias para contar. Além disso, o Gilvan é poeta e tem uma passagem da sua vida que eu presenciei e que merece ser contada.

O Gilvan tinha muitos textos, mas ele teve um desejo de escrever o seu milésimo poema... O problema era que ele não tinha todos os seus versos catalogados, sendo assim, decidiu fazer um levantamento de todo seu arquivo. Após alguns meses (se não me falha a memória uns 3 ou 4) de trabalho árduo teve um dia que eu percebi que ele chegou meio cabisbaixo na aula, então perguntei:

Eaí Gilvan? Tudo bem?

-Ah, tudo. Mas, o lance do milésimo poema melou...

Por quê mano? Que aconteceu?

-É que eu contabilizei todos e já tenho mais de mil e cem...

^^ rs - eu fiz uma cara de susto e ri - Putz, agora você tem que fazer dez mil pra comemorar. kkk

...

E dentre muitos desse poemas existe um chamado “Brócolis” (meu favorito =]) que virou esse vídeo que eu vou compartilhar com vocês agora.

Degustem!


E você? Gostou do vídeo e quer saber mais sobre o Gil?

Acesse o blog: emporiojaburu.blogspot.com/

...